segunda-feira, 23 de junho de 2014

São João, Xangô Menino!

 Passei uma boa parte da infância resistindo às minhas raízes, mas, tendo motivos para me arrepender de tal, não o faço. O fato de ter conhecido, sentido as raízes da minha terra tardiamente me propiciou degustar com maior sapiência. Outrora, abordarei com mais afinco tal assunto. 

 O que importa é que estamos em época de São João! Mesmo estando no fim, é Junho, não é qualquer mês! Estamos no mês em que comemoramos o "Dia dos Namorados" e o "Dia do Químico" (este último passei a marcar por causa da minha grande amiga, a personalidade jorlaniana). Para os admiradores do Dadaísmo, como eu, também é um mês simbólico: foi em Junho que houve a primeira exposição do movimento, em Berlim. Além disso, ainda temos as comemorações dos nascimentos (as quais renderão outras postagens) de grandes pilares da cultura mundial: Chico Buarque, Maria Bethânia, Meryl Streep e Elza Soares.

 É São João! O São João plural, brasileiro! Não simplesmente o Xangô ou o São João...o São João, Xangô menino. Viva o Brasil sincrético!

"Aqui somos mestiços mulatos
Cafuzos pardos mamelucos sararás
Crilouros guaranisseis e judárabes

Orientupis orientupis
Ameriquítalos luso nipo caboclos
Orientupis orientupis
Iberibárbaros indo ciganagôs

Somos o que somos
Inclassificáveis"
(Inclassificáveis/Arnaldo Antunes)







Um comentário: