domingo, 27 de julho de 2014

Do Cóccix Até O Pescoço

 Na postagem passada, mencionei a importância do mês de Junho. Em grande parte, ela se dá pelos seus aniversariantes. Como não os homenageei antes, vou parabenizá-los pelos seus desaniversários. Os escolhidos são: Gilberto Gil, Elza Soares, Chico Buarque, Meryl Streep e Maria Bethânia.


ELZA SOARES



 Dona de uma voz única, com uma acidez regeneradora, Elza, em seus mais de 50 anos de carreira e seus 77 anos de idade, representa o melhor da música brasileira não só pelo talento único que tem, mas também pelo seu dom de transformação, deslizando com todo o seu swing da Bossa Nova até o Hip Hop e a Música Eletrônica. A primeira vez que a ouvi foi na trilha sonora do filme Lisbela e o Prisioneiro, em que regravou "Espumas ao Vento". Elza passou um bom tempo apagada durante as décadas de 1980 e 1990. O álbum "Do Cóccix Até o Pescoço", de 2002, foi o seu renascer das cinzas.



 Minha professora de história uma vez mencionou que a Fome é revolucionária. Lembrando-me disso, afirmo: Elza Soares é a voz da Fome.







Um comentário: